O problema do bom senso


Gostei do ponto de vista. Reivindicamos o espaço público mas não cuidamos dele. Para refletir.

quadrado

foto (30)

Vocês foram no isoporzinho? Eu fui, claro. E eu ia perder uma festa popular dessa?

A piscininha foi a parte mais legal – e inusitada – da farra. Andar de bike, como sempre fazemos, e poder dar um mergulho depois, já pensou? É como colocar a cobertura em cima do sorvete: o delicioso por cima do que já é muito bom.

Mas não eram só famílias que estavam por lá: muitos jovens, gente fazendo piquenique, gente só tomando sua cervejinha, rodinha de samba, batucada. Uma parada realmente plural, inesperada, espontânea.

Tão espontânea que, às 20h, quando voltava pra casa de outro lugar, mais de seis horas depois de ter saído do isoporzinho, vi que a farra ainda estava correndo solta na altura da 105 sul. Uns carros do detran tentavam, sem sucesso, reabrir o eixão para o tráfego e um montão de gente ainda estava chegando pro evento, atravessando…

Ver o post original 152 mais palavras

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s